On sábado, 26 de maio de 2012 4 comentários


“Veio o Filho do homem, que come e bebe, e dizem: Eis aí um glutão e bebedor de vinho, amigo de publicano e pecadores! Mas a sabedoria é justificada por suas obras.” Mt. 11:19.

Muitos são os títulos que Jesus detém: Deus Filho, Emanuel, Príncipe da paz, Pai da eternidade, bom Pastor, Médico dos médicos, Senhor dos senhores, Mestre e muitos mais.


Mas um título é extremamente revelador de sua missão: amigo dos pecadores. Foi para isto que Ele veio. Ele próprio disse que veio a isto (Lc. 19:10). Este título demonstra o amor de Deus ao mundo (João 3:16), só que de uma maneira concreta, definida e nítida. Deus ama os pecadores e este amor tomou contornos de humanidade, é um amor de carne e osso através da pessoa bendita de Jesus.


Numa geração como a nossa tão impessoal, tão ostracista e ilhada é maravilhoso saber que temos em Cristo um amigo e mais, o amigo.


Esta amizade é absolutamente não preconceituosa, não legalista e não condenatória. É uma amizade na perspectiva da graça que conquanto exija um padrão ético digno deste amigo, oferece as condições para tal, de maneira gradativa, misericordiosa e encorajadora.


Que bom termos um amigo como Jesus. Ele é o melhor amigo. O amigo que se revela, que toma a iniciativa para um relacionamento de amor.


Ele, de fato é amigo. Nos convém envolver-nos com Ele estreitando esta amizade para usufruir cada vez mais Seu amor, companhia e graça.


Tenha em Cristo o seu melhor amigo. Que Ele mesmo nos abençoe!


Rev. Aurélio Darlan.

Related Posts with Thumbnails